Quando Fevereiro Chegar

Imagem de mohamed Hassan por Pixabay

“tudo passa. isso também passa”. Essa frase ecoa no meu coração diariamente, ao sentar exausta do dia para capitular tudo o que foi feito, dito e não dito.

Passamos por muitas dificuldades, mas a sua quase totalidade devido às pessoas que nos cercam, e não à doença em si. Por incrível que pareça, ao AVC nos adaptamos muito bem, eu e Johann. Mas às pessoas…estas me fizeram entender porque ainda o mundo é tão difícil.

Estou reavendo a noção de “família” e mais do que nunca vejo que a “família espiritual” é aquela que diz presente quando você precisa. Quantas demonstrações de carinho dos amigos. Quanta força, quanta energia, quanta ajuda recebi dos amigos. Foi gratificante. Para compensar o fiasco genético… mas valeu a pena.

O que verdadeiramente somos é aquilo que o impossível cria em nós (Clarice Lispector)

E não há o impossível para quem ama o que tem, é satisfeito com sua vida e feliz com suas vitórias diárias. Temos aprender a nos valorizar. O outro é o outro, nada pode ser feito. Mas nós? Podemos mudar tudo o que quisermos, inclusive quem e como queremos ao nosso lado na jornada da vida.